segunda-feira, 2 de agosto de 2010


Voa livremente, doce vento.
Leva-me perto dessa alma que me dá vida,
desse sol que me brilha na pele,
dessa luz tão cristalina,
que me envolve a cada centímetro quadrado.


Faz-me ficar perto sempre, acorrenta-me aqui (...)



(...) e não me deixes voar mais.
Rita f.

11 comentários:

RaquelSousa . disse...

- Que lindo $ !

RaquelSousa . disse...

- Pois, antes não fosse sentido :'x .

Susana disse...

É bastante, estou apaixonada por ele e por outros tantos :o
Gostei do teu blog, vou seguir :)

A.Martins disse...

Tão bonito *.*
E parece que é verdade, porque realmente ele é meu, e será sempre meu (:
Beijo*

ti em mim disse...

gostei muito =)

Joana Carvalho disse...

obrigada qerida *.*

que lindo post!! :)

RaquelSousa . disse...

- Pois, isso eu percebo, x') .
- Mas este sentimento não é tão dificil de demonstrar quanto parece :s .

ti em mim disse...

oh, obrigado (:

ti em mim disse...

não não, obrigado eu :C

ti em mim disse...

e depois a simpatia é de mim :o

um beijo
Nuno

Ser oculto disse...

Voa somente onde a tua imaginação te levar! E depois? Imagina se o voo fosse real...

Beijo,
Ser Oculto